Top 10 atrações da CNE em 2017

Canadian National Exhibition em Toronto.

Por Christian Pedersen
Fotos de Eric Major

A maior evento anual do Canadá está rolando desde o dia 19 de agosto e termina no feriado de Dia do Trabalho, em 4 de setembro, o que também significa ser o fim das férias escolares e o fim da temporada do verão 2017. Fundado em 1879, na época chamado de Toronto Industrial Exhibition, o atual Canadian National Exhibition é uma das dez maiores feiras da América do Norte, atraindo em média 1.5 milhões de visitantes todos os anos.

Falando em números, isso é o que não falta em um evento como este sempre, que sempre acontece no Exhibition Centre, em Toronto. Pra você ter uma ideia, só em 2015, 1000 copos de limonada foram vendidos por dia, foram 1085 atrações e performers, 572 campos de futebol poderiam ser preenchidos com a quantidade de ursos de pelúcia que foram distribuídos naquele ano, mais de 291 mil mini rosquinhas fora consumidas e 500 mil colares foram distribuídos durante a parada de Mardi Gras.

Como são muitas coisas pra ver e fazer em um só lugar, a Wave esteve por lá e fez uma lista de dez atrações que você não pode perder. Por este ser o ano do 150° aniversário do Canadá, algumas atrações comemoram o aniversário do país.

Pavilhão da Comida

O Canadian National Exhibition tem um pavilhão só com restaurantes, o Food Building, onde você encontra desde waffles até hambúrguer de grilo! Pra quem quiser economizar um pouco, dá pra encontrar itens por $5.

Comidas malucas

Falando em hambúrguer de grilo, todos anos a CNE apresenta uma variedade de comidas esquisitas, ou melhor, comidas diferentes que podem te surpreender. Este ano, por exemplo, você pode comer pés de frango crocantes servidos em um espeto! A propósito, como falamos em grilos, este ano, a novidade é o Cricket Cone, que é um cone macio revestido com côco torrado e coberto de grilos assados com chocolate. Pra quem não é tão aventureiro assim, existem coisas como The Great Canadian, que seria uma espécie de queijo coalho (aquele utilizado no poutine) frito polvilhado com açúcar de confeiteiro e servido com puro xarope de maple canadense.

A gastrônoma Amanda Aragão e a editora da Wave Maya Gasparoto foram até o CNE no ano passado provar uns grilos.

Castelos de areia

O mar está longe daqui, mas você pode conferir as belas esculturas de areia feitas para o campeonato anual que acontece todos os anos.

Estátuas de manteiga

Na CNE também rola campeonato anual para a melhor escultura feita de manteiga. Este ano tem até uma com o primeiro ministro Justin Trudeau segurando dois ursinhos!

Produtos internacionais

Se você quer mesmo é fazer compras, opção é o que não falta com o International Market, onde você encontra expositores de vários países. Bem ao lado, você ainda encontra uma área com outlets de roupas, calçados e eletrodomésticos.

Todos pra Fazenda!

Pois é, até uma típica fazenda canadense existe por lá, onde os visitantes podem encontrar porcos, vacas, carneiros e mais. Lá também é possível colher maçãs de árvore, tirar leite de vaca, colher batatas e ainda colher ovos de galinhas. Todos os dias acontecem demonstrações de ordenha de vacas (12pm e 4:30pm) e corte de ovelhas (1 e 3pm).

Cassino

O cassino da CNE está em funcionamento desde 29 de julho e com uma variedade de jogos como roleta, poker, etc, aberto do meio-dia até às 6 da manhã!

Parque de diversões e jogos

Essa é uma das grandes atrações e para todos os gostos, desde uma simples roda gigante até aqueles que são de embrulhar o estômago. Pra quem quer algo mais tranquilo, pode tentar a sorte em jogos como o Whac a Mole, onde até o nosso prefeito John Tory tentou alguns jogos.

Shows

Do country ao rock, passando por ópera e música eletrônica, você pode conferir shows de gente desconhecida do grande público e mais famosos como a banda Steppenwolf e Shawn Hook. Em anos anteriores até a Marilyn Monroe e Janis Joplin já se apresentaram na Canadian National Exhibition.

Tiny Toms

Uma visita não é completa sem comer as deliciosas rosquinhas do Tiny Tom, presente na CNE desde 1960. Geralmente, a fila pra comprar as rosquinhas é longa, mas vale a pena!

Para lista de todas as atrações, visite theex.com

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments are closed.