A comunidade que respira arte

Roberts Creek é formada por uma vibrante comunidade de artistas, pintores, escritores e músicos.

por Samara Reis

Dakota Ridge

Localizado na Sunshine Coast o vilarejo Roberts Creek é um dos paraísos escondidos nas montanhas da Costa Oeste de Vancouver.

Muitas das casas espalhadas pela floresta são decoradas e possuem pequenos detalhes como mosaicos, esculturas, cata-ventos e delicados jardins. A decoração peculiar e singela encanta os visitantes e mostra o estilo de vida despreocupado.

Os moradores costumam chamar o vilarejo de “The Creek”. O centro conta com uma biblioteca, uma loja de produtos naturais, uma agência de correio, um mercado, pequenas lojas com trabalhos de artistas locais, uma loja de música, uma loja de cristais e rochas, um café e um restaurante.

Atrações Artísticas

Creek Daze é um grande evento que acontece anualmente. O evento conta com Higgledy Piggledy, tradicional desfile, além de música ao vivo no píer, atividades para as crianças e comércio de produtos e comidas locais.

Os encantos de Roberts Creek não param por aí. Na entrada do píer é possível ver uma mandala gigante, pintada pelos próprios moradores. O píer tem acessibilidade para cadeirantes. É comum ver pessoas caminhando na praia com cachorros, brincando de lançar frisbee e admirando as águias que sobrevoam a praia.

Anualmente os artistas da comunidade de Roberts Creek e da Sunshine Coast também abrem as portas dos seus estúdios para que visitantes de Vancouver e região possam prestigiar os trabalhos.

Em uma visita à casa da artista Betty Inksetter Lacoste foi fácil entender de onde vem sua inspiração: seu jardim. Várias de suas esculturas decoram o caminho até a porta do estúdio da artista. A propriedade localizada no meio da floresta conta ainda com um galpão e alguns chalés decorados por Betty.

Pier – Robert Creek

Inksetter vive na comunidade há 30 anos com seu marido – o músico Michael Lacoste. A mudança radical de vida aconteceu quando ela decidiu se mudar de Toronto a fim de ficar mais perto da mãe que vivia na ilha de Vitória, na Columbia Britânica. Viver próximo da praia e um estilo de vida menos agitado também foram pontos levados em consideração. “Eu vi um anúncio dessa propriedade, comentei com a minha filha e decidimos agendar uma visita. No final do dia já havia fechado o negócio”, relembra a artista. Ela conta que foi amor a primeira vista, como se um sonho estivesse se tornando realidade. “Nós somos uma comunidade estilo hippie, prezamos por uma vida tranquila em harmonia com a natureza e uma alimentação saudável”, explica Inksetter.

Parques

Cliff Gilker Park

Os parques são outro traço característico de “The Creek”. Num deles, o parque Cliff Gilker há várias trilhas pela floresta com pontes de madeira e uma espetacular cachoeira. Em poucos minutos de caminhada, é possível admirar árvores com caules gigante – típicas da região.

Por causa da floresta e dos parques, Roberts Creek é um prato cheio para os apaixonados por aventura. É possível praticar vários esportes, como mountain bike, caiaque, passeios a cavalo, natação e mergulho.

No inverno o destino para contemplar a neve é o parque Dakota Ridge, localizado nas montanhas próximas ao vilarejo. A diversão fica garantida com o snowshoeing, trenó e esqui nórdico. Durante uma hora de trilha com snowshoes é possível ver como a neve transforma as colinas onduladas da floresta: as árvores ficam cobertas de neve cintilante. A vista durante o percurso inclue as montanhas de Salish Sea, North Shore e Mount Elphinstone.

Para chegar a Sunshine Coast você precisa pegar uma balsa que sai de Horseshoe Bay. São aproximadamente 40 minutos de viagem, com vista para um cenário fantástico da Costa Oeste de Vancouver.

Vista da Sunshine Coast

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments are closed.