Como fica a justificativa eleitoral no exterior

Os consulados do Brasil no exterior não poderão receber justificativas eleitorais.

eleicoesa) eleitores inscritos no exterior e no DF: não precisam justificar nas eleições municipais, caso deste ano.

b) eleitores inscritos em outras localidades do Brasil:

– preencher o Requerimento de Justificativa Eleitoral e juntar cópia de documento oficial brasileiro de identidade e de comprovante dos motivos alegados para justificar a ausência (cópia do passaporte, cartão de embarque, matrícula em instituição de ensino, contrato de trabalho, etc.) .
– enviar o requerimento e a documentação, pelo correio, ao cartório da zona eleitoral onde o eleitor esteja inscrito no Brasil.

Os endereços dos cartórios eleitorais podem ser obtidos nas páginas dos tribunais regionais eleitorais dos estados.

A justificativa eleitoral poderá ser apresentada no prazo de até 60 dias, contados da realização de cada turno do pleito, ou ainda em até 30 dias, a partir do retorno do eleitor ao país.

O formulário preenchido com dados incorretos, que não permitam sua identificação, não será considerado válido para justificar a ausência às urnas.

O acolhimento ou não das alegações apresentadas ficará, sempre, a critério do juiz da zona eleitoral em que o eleitor estiver inscrito.

O eleitor pode justificar as ausências às eleições tantas vezes quantas forem necessárias, mas deve estar atento a eventual realização de revisão do eleitorado no município onde estiver inscrito, uma vez que o não comparecimento acarretará o cancelamento do título.

Links para o formulário e a lista dos tribunais regionais dos estados pode ser encontrada em:
http://www.tse.jus.br/…/ele…/servicos-eleitorais-no-exterior

Tags: , , , , , , , , ,

Comments are closed.