Ouro conquistado aos socos

Boxeador baiano Robson Conceição se torna o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha de ouro olímpica no boxe.

por Luiz Humberto Monteiro Pereira
jogoscariocas@gmail.com

Foto: Luiz Humberto Monteiro Pereira

Foto: Luiz Humberto Monteiro Pereira

As experiências olímpicas do baiano Robson Conceição não eram nada animadoras. Participou dos Jogos de Pequim, em 2008, e de Londres, em 2012 – e nas duas vezes foi eliminado por atletas “da casa”, que contavam com o apoio intensivo da torcida local. Nas Olimpíadas do Rio, o boxeador peso leve que teve todo o apoio da torcida era ele. Resultado: a primeira medalha de ouro olímpica conquistada pelo boxe brasileiro.

Estou em um sonho e não quero acordar nunca! A torcida brasileira fez a diferença, transmitiu muita energia positiva. Tenho de agradecer muito a ela”, comemora o mais novo campeão olímpico brasileiro.

Aos 27 anos, o ex-moleque brigão, que era o terror de Boa Vista de São Caetano, bairro da periferia de Salvador, bate o puglista francês Sofiane Oumiha na final. A decisão foi unânime – vitória de 3X0 para o baiano.

Depois de muita festa no ringue, ouviu emocionado o Hino Nacional Brasileiro e até bateu continência – é terceiro-sargento da Marinha, integrante do Programa de Atletas de Alto Rendimento das Forças Armadas.

Esse programa foi fundamental para a evolução do boxe brasileiro”, reconhece o pai da pequena Sofia, de dois anos, que comemorou o título ao lado do pai, junto ao pódio.

Curta a página de “Jogos Cariocas” no Facebook em facebook.com/jogoscariocas

bannerH

Tags: , , , , , , , , ,

Comments are closed.