Selma de Abreu

por Nadya Reis

IMG_1156
A artista posa ao lado de sua obra

Selma de Abreu iniciou seu percurso pela arte muito cedo quando, ainda criança, acompanhava sua mãe em cursos de pintura e desenho. Mais tarde, quando exercia a advocacia no Brasil, a arte, apesar de sempre presente, era só um hobby. Quando chegou ao Canadá em 1998, o hobby, aos poucos, transformou-se em profissão e, desde então, vem se revelando nas múltiplas obras criadas pela artista.
Se uma única palavra tivesse que ser escolhida para defini-la, essa seria versatilidade. Selma navega diferente técnicas e projetos com total familiaridade, criando obras absolutamente originais e inesperadas. Utiliza técnicas variadas como a bricolagem, patinas, craquelês, marmorizados e o trabalho com materiais reciclados na sua arrojada coleção “Use reuse refaça com arte”.
Seus murais podem ser encontrados em diversos espaços comerciais de Toronto, que tiveram as paredes de suas salas e corredores transformados em florestas, cavernas de gelo ou praias. Sem esquecer de suas paisagens urbanas onde Toronto pode ser facilmente reconhecida. Sem nenhuma dúvida, Selma consegue em seu trabalho, tanto nos enormes murais como em seus quadros, colocar cores em movimento.
A artista participou de várias exposições em centros culturais, no Toronto City Hall e Harbourfront Centre, e desenvolveu projeto no Day Care do Parkdale Community Centre. Selma foi também entrevistada por Clara Abreu no programa Hora H da OMNI 1.
Recentemente seus quadros puderam ser vistos no Cafe Cafuné no centro de Toronto, onde foi apresentada pela primeira vez sua coleção “Caminhos”.
Em cada uma de suas fases, encontra-se o reflexo de diferentes características da personalidade dessa artista tão especial. Em suas obras de bricolage, a junção de materiais e texturas criando objetos inesperados e de grande impacto visual. Na coleção “Use Reuse”, sua sempre presente preocupação com a preservação do meio ambiente. Nas telas em acrílico da coleção “Todas as formas de amor” o universo emocional toma forma e cor. E a recente fase“Caminhos” espelha sua pemanente busca de novas direções e perspectivas.
A artista está no momento preparando sua próxima exposição “Ecos”, onde serão apresentadas 25 novas obras, usando materiais diversos e técnicas sempre surpreendentes.
Selma sempre atenta ao que está a sua volta, consegue, com especial criatividade e humor, transmutar a realidade em obras originais e de grande impacto visual.

 

Tela Serie Caminho 1 Tela Serie Caminho 2

Close-up da tela Série Caminho

Tags:

Comments are closed.