Visto Canadense: Estudo ou Trabalho

O QUE VOCÊ DEVE SABER PARA TER SUCESSO NA OBTENÇÃO OU RENOVAÇÃO DO VISTO TEMPORÁRIO CANADENSE: ESTUDO OU TRABALHO!

Por Marco Castro

A primeira coisa que você deve ter em mente quando solicitar um visto canadense de estudo ou para trabalho, é que essa solicitação é para uma residência temporária no Canadá. Você tem que demonstrar que vai usufruir o Canadá por um tempo limitado e retornar ao seu país de origem. E nunca é demais lembrar: dê somente informações verdadeiras!

Visto de Estudante

Existem tipos diferentes de vistos de estudante. Se você vem para estudar em escola de inglês ESL (Inglês como Segunda Língua) por menos de 6 meses, é bem provável que seja emitido um visto de turista com direito a estudar (como em alguns casos aparece no visto o nome ‘Student’, muita gente confunde com o visto de estudante). Nesse caso, tenha em mente que para renovar a permanência no Canadá, terá que ser para fazer turismo.
Se seu visto é de visitante e você precisa de uma permissão para estudar, essa solicitação terá que ser feita em um Consulado Canadense fora do Canadá. Portanto, se existe a possibilidade ou você tem a intenção de fazer algum curso que requeira visto de estudo, depois que já estiver no Canadá, sugiro solicitar um visto de estudante, mesmo que o curso seja menos de 6 meses.
Para casos de quaisquer cursos de mais de 6 meses, cursos técnicos, High School ou em Universidades, normalmente é emitido o visto de estudante no Consulado, e a permissão é dada na fronteira para a duração do curso. Dependendo do curso e da Instituição, há a possibilidade da obtenção do visto de trabalho depois da conclusão do curso.

Visto de Trabalho

A permissão de trabalho pode ser específica para um empregador, ou aberta para quaisquer empregadores. Existem requisitos específicos para a emissão dessa permissão. Aqui vão alguns casos entre outros onde você pode solicitar essa permissão: se um empregador no Canadá recebeu autorização do governo para lhe contratar, se estiver acompanhando o cônjuge que tem visto específico de estudo ou trabalho, se está sendo patrocinado pelo cônjuge, ou se obteve uma graduação numa entidade
autorizada pelo governo.

*Marco Castro é Consultor Certificado de Imigração, Tradutor e Notário Público com escritório em Vancouver, BC, e pode ser contatado através do e-mail marco@provisa.ca ou www.provisa.ca.

Tags: , ,

Comments are closed.