A surpreendente Copa do Mundo do Brasil

por Vitor Zanotelli

Afirmar que a Copa de 2014 entrou para a história não é exagero algum. Bons jogos, alta média de gols marcados, grandes jogadores, além das muitas surpresas – até mesmo as negativas, como a vitória de 7×1 da Alemanha sobre o Brasil – fizeram desta competição uma das mais emocionantes dos últimos tempos.
Em relação ao número de gols, a Copa do Brasil teve uma média de 2,67 gols marcados, aproximando-se do índice de 2,71 da edição realizada nos Estados Unidos em 1994. Ao todo, a bola balançou as redes 171 vezes, igualando a Copa da França, em 1998.
Mas, futebol é muito mais do que números. Algumas seleções foram responsáveis por grandes surpresas devido ao seu desempenho dentro de campo. A Espanha, campeã em 2010, fracassou e não conseguiu sequer classificar-se para as oitavas de final. Logo no primeiro jogo, os espanhóis foram goleados por 5×1 pela Holanda, e na segunda rodada, sofreram nova derrota de 2×0 para o Chile, resultado que os eliminou do torneio. Outros campeões mundiais, como a Itália e Inglaterra, também não se classificaram para a segunda fase da competição.
Afirmar que a Copa de 2014 entrou para a história não é exagero algum. Bons jogos, alta média de gols marcados, grandes jogadores, além das muitas surpresas – até mesmo as negativas, como a vitória de 7×1 da Alemanha sobre o Brasil – fizeram desta competição uma das mais emocionantes dos últimos tempos.
Em relação ao número de gols, a Copa do Brasil teve uma média de 2,67 gols marcados, aproximando-se do índice de 2,71 da edição realizada nos Estados Unidos em 1994. Ao todo, a bola balançou as redes 171 vezes, igualando a Copa da França, em 1998. Mas, futebol é muito mais do que números. Algumas seleções foram responsáveis por grandes surpresas devido ao seu desempenho dentro de campo. A Espanha, campeã em 2010, fracassou e não conseguiu sequer classificar-se para as oitavas de final. Logo no primeiro jogo, os espanhóis foram goleados por 5×1 pela Holanda, e na segunda rodada, sofreram nova derrota de 2×0 para o Chile, resultado que os eliminou do torneio. Outros campeões mundiais, como a Itália e Inglaterra, também não se classificaram para a segunda fase da competição.
Por sua vez, a campeã de 2014 mostrou um time muito bem preparado. Além de contar com grandes jogadores como Schweinsteiger, Lahm, Neuer, Klose e Kroos, entre outros, a seleção alemã apresentou um ótimo jogo coletivo, com uma defesa compactada, sem esquecer a criação de jogadas. Um time completo que mereceu o título da Copa do Mundo de 2014.

Tags: , ,

Comments are closed.