Bacalhoada

Uma herança portuguesa para saborear com a família no almoço de domingo.

Por Mayara S. Francisco

Viajando da tradição de Portugal para as mesas do Brasil, o Bacalhau assado com legumes, ou Bacalhoada, é considerado uma refeição para se saborear com a família. O preparo exige tempo e planejamento, mas o resultado final se torna digno de elogios e muitos “quero mais”. Siga esta receita descomplicada e prepare seu melhor vinho branco para se deliciar com essa herança deliciosa.

Ingredientes

  • 1,5 kg de Bacalhau
  • 1 kg de batatas
  • 2 cebolas grandes
  • 1 pimentão verde
  • 1 pimentão vermelho
  • 1 pimentão amarelo
  • 4 tomates
  • 200 g de azeitonas pretas sem caroço
  • Cheiro verde picado
  • Azeite de oliva extra virgem
  • Pimenta-do-reino (opcional)
  • Sal

Modo de Preparo

Coloque o Bacalhau de molho em um recipiente fechado e dentro da geladeira por 12 horas. Neste meio tempo, troque a água de 3 a 4 vezes, mas cuidado para não dessalgar demais. Passadas as 12 horas, cozinhe o Bacalhau em uma panela cheia de água por 30 minutos. Se necessário, prove um pedaço para saber se o peixe ainda está muito salgado. Retire o Bacalhau da panela e reserve o peixe e água salgada separadamente.

Descasque as batatas e cozinhe-as em uma panela com água e sal a gosto por 20 minutos. Escorra, corte em rodelas e reserve.

Corte a cebola e os pimentões, retirando as sementes. Retire a pele e as sementes do tomate e corte em cubos ou rodelas.

Em uma forma ou refratário, em sequência, coloque as batatas e o Bacalhau (desfiado ou em tiras) e despeje duas xícaras de chá da água reservada do peixe. Em seguida, cubra o peixe com camadas de cebolas, tomates, pimentões e azeitonas. Por último, coloque (a gosto) o cheiro verde e a pimenta-do-reino (opcional) e, por último, regue com azeite a gosto.

Pré-aqueça o forno e asse o peixe em fogo baixo (cerca de 150º C) por uma hora ou até que tudo esteja “al dente”.

[/box]

Dicas

  • Tradicionalmente, a Bacalhoada é servida com arroz branco. Você pode aproveitar a água em que ferveu o bacalhau para cozinhar o arroz.
  • A Bacalhoada também fica uma delícia se servida fria no dia seguinte.
  • As azeitonas tendem a salgar o prato de um dia para o outro. Além disso, o gosto da refeição sempre ficará mais acentuado no dia seguinte porque os temperos e legumes passarão mais tempo em contato com o peixe e o azeite.

 

 

Tags: , , , , , , , , ,

Comments are closed.