Planejamento financeiro

Mais um choque cultural para nós imigrantes.

Por Francisco Araujo

Crédito: flickr.com/photos/citroenverde

Falar sobre planejamento financeiro para nós brasileiros soa como uma coisa muito distante, um pouco sem sentido. Nós crescemos e vivemos durante vários planos econômicos, cortes de zero na moeda (Cruzeiro, Cruzeiro Novo, Cruzado, RUV, etc), passamos pela hiperinflação e vimos até o bloqueio de nossas contas bancárias pelo governo. Neste contexto, um planejamento financeiro significa: se sobrar algum dinheiro, vou comprar imóveis ou até fazer um investimento mais sofisticado como comprar Dólar ou ouro.

Hoje em dia as coisas mudaram no Brasil, mas a nossa geração ainda pensa um pouco como antes. Aqui no Canadá, o Financial Planning significa quase que o oposto, e é bom nós aprendermos essa nova cultura, não porque parece sofisticada, mas porque se traduz em seguranca financeira.

Nós pagamos muitos impostos por aqui, mas isso tudo volta como boas escolas, assistência médica, segurança e infraestrutura, sem falar que os benefícios vão muito além do que imaginamos. O governo do Canadá nos retorna parte desses impostos em forma de benefícios sociais e em incentivos para fazermos nosso planejamento finaceiro. Entre vários exemplos estão o RESP, que é uma conta onde você poupa para os estudos dos filhos; o RRSP, que são contas para aposentadoria; o First Home Buyer, que é um beneficio para compra da primeira moradia (First Home Buyer), etc.

Como todos os newcomers, nós temos a tendência de achar que a mudança para outro país já é muita coisa e que o planejamento financeiro pode ficar para depois quando as coisas estiverem mais calmas. Muito justo, mas devemos lembrar que, para todas as situações finaceiras, idade, e tempo de permanência no Canadá, sempre existe algo a se fazer no que resulta em dinheiro e segurança.

Nessa coluna vamos tratar desse assunto, onde a cada edição falaremos sobre um tópico específico.

Francisco Araujo trabalha com a Desjardins Financial Security como conselheiro financeiro (Financial Advisor), servindo a nossa comunidade e ao público em geral, além de pequenas e médias empresas.

Formado em engenharia mecânica no Brasil com certificação de operador de mercado de capitais, trabalhou como corretor de ações e derivativos na Bovespa e BMF, e como administrador de portifólio de ações para o Clube de Investimentos Random. Imigrou para o Canadá em 2008, onde adquiriu cerificado de Post Diploma in International Business Management no George Brown College e posteriormente certificado de Technical Analysis of the Financial Markets na Universidade de Toronto. Em 2010, Francisco adquiriu sua qualificação no Life Licence Qualification Program e Mutual Fund Licence junto a província de Ontário para trabalhar no ramo de investimentos e seguros. O seu email para contato é francisco.araujo@dfsin.ca.

 

Tags: , ,

Comments are closed.